• Notícias

Lagoa firma parceria com Ouro Fino para aquisição de 50% de Ranchi Ipê Ouro, destaque da bateria Nelore

Thell de Castro Corte Zebu 17 de julho de 2008

Print Friendly and PDF

Integrante da bateria de grandes raçadores da Lagoa desde 2006, o touro já acumula mais 260 mil doses de sêmen comercializas, sendo Palheta de Ouro da Central


Ranchi Ipê Ouro


O pecuriasta João Marcos Machado Borges, o gerente de produto Corte/Zebu da Lagoa, Ricardo Abreu, e o presidente do Conselho do Grupo Ouro Fino, Norival Bonamichi


Confraternização após o leilão

A Lagoa, maior central de genética bovina da América Latina, integrante da CRV, firmou parceria com a Ouro Fino para aquisição de 50% de participação sobre o touro Nelore Ranchi Ipê Ouro, propriedade de Arnaldo Manoel de Souza Machado Borges, colocado à venda no último sábado (12), durante o leilão da Fazenda Guadalupe, em Santo Antônio do Aracanguá (SP).

Grande representante da raça Nelore nos últimos anos, o touro é conhecido no mercado pela enorme capacidade de imprimir seus atributos genéticos à seus filhos, que se destacam em plantéis da raça em todo o país. Considerado touro destacado na produção de sêmen convencional e sexado, Ranchi já comercializou mais de 260 mil doses em sua vida reprodutiva e recebeu o troféu Palheta de Ouro no ano passado.

O touro foi contratado pela Lagoa no segundo semestre de 2006, sendo anunciado durante a Expoinel. Seu pedigree conta com grandes genearcas da raça, já que é filho de Myke (neto de Ludy) em vaca 1646 da MN. Produziu sêmen aos 17 meses e teve os primeiros filhos nascidos aos 28 meses. Foi Reservado Campeão Bezerro na Expoinel/97, Campeão Bezerro em Bauru/98 e Campeão Júnior Menor e Precoce na ExpoZebu/98.

Arnaldo Manoel de Souza Machado Borges destaca a importância da parceria entre a Fazenda Ipê Ouro, Lagoa e Ouro Fino, empresas de grande tradição e força na pecuária brasileira. “O Ranchi é um reprodutor de excepcional qualidade genética e por isso é touro consagrado na raça Nelore. Para nós é motivo de grande satisfação e tranqüilidade saber que todo esse patrimônio genético continua sendo muito bem cuidado”, declara Arnaldinho, parceiro da Lagoa há quase 30 anos.

Norival Bonamichi, presidente do Conselho do Grupo Ouro Fino, destaca que a parceria é “importante devido ao uso da inseminação artificial e da genética, pelo nome e imagem da Lagoa junto ao pecuarista aliado ao nosso pacote tecnológico de produtos (hormônios para reprodução, marcador genético e teste de patógenos, entre outros), tudo isso visando melhorar ainda mais o uso da técnica da IA”.

Segundo Ricardo Abreu, gerente de produto Corte/Zebu da Lagoa, o touro está no ápice de sua produção e a valorização é crescente. “É um grande prazer para a Central ser parceria do Arnaldinho e da Ouro Fino na aquisição desse animal excepcional”, declara o zootecnista, para quem Ranchi é uma marca na raça. “Ele é pai de Grandes Campeões e sua progênie é uma referência no Nelore moderno. Desde sua chegada, a bateria da Casa do Zebu Provado ficou ainda mais completa. Vale ressaltar que o valor de sua dose continua com o mesmo preço praticado antes do Leilão”, conclui Abreu.