• Notícias

Leilão Linhagem Landau faturou R$ 1 milhão, sendo R$ 300 mil em sêmen convencional e sexado

Thell de Castro Corte Zebu 1 de outubro de 2018

Print Friendly and PDF



Realizado no dia 26 de setembro, durante a Expoinel 2018, em Uberaba (MG), o Leilão Linhagem Landau foi um grande sucesso. Transmitido ao vivo pelo Canal Rural e recepcionando mais de 200 criadores no estande da CRV Lagoa no Parque Fernando Costa, o remate teve R$ 1 milhão de faturamento, sendo R$ 700 mil movimentados pelos animais e R$ 300 mil em vendas de sêmen.

Promovido pela CRV Lagoa, João Carlos Di Genio, do Nelore Di Genio, e Amândio Salomão, da Xuab Agropecuária, com organização da Programa Leilões, o remate registrou a venda de 4.000 doses de sêmen, entre convencionais e sexadas, além de 15 animais e 5 prenhezes, com média de R$ 35 mil.

Com apenas cinco anos de idade, Landau já é um fenômeno: filho de Brado da Santa Marina em vaca Fajardo crioula da Di Genio, o jovem reprodutor conta, até o momento, com mais de 8.000 filhos com RGN (Registro Geral de Nascimento) da ABCZ e um total de 14.815 filhos comunicados. A contratação do reprodutor foi anunciada pela CRV Lagoa durante a ExpoZebu 2018.

“O leilão foi extremamente prestigiado. Levamos muitos animais bonitos filhos do Landau, ficamos satisfeitos com as vendas e, principalmente, com a elevada comercialização de sêmen. Pudemos mostrar bem o Landau, o propósito e a seriedade do trabalho do criatório e toda a importância desse touro hoje no cenário nacional, na produção de carne dentro da raça Nelore e do agronegócio”, ressalta Antonio Aurico, gerente do Nelore Di Genio.



“Esse evento foi inédito e extrapolou as melhores expectativas. Recebemos em nosso estande mais de 200 criadores que acompanhar o leilão e comercializamos mais de 4.000 doses de sêmen convencional e sexado do Landau para clientes de 12 estados brasileiros. Democratizamos a genética do Landau para as principais regiões de Nelore registrado e comercial”, conclui Ricardo Abreu, gerente de Contas Corte da CRV Lagoa.